Eu posso ser eu mesmo agora.
drogada por batatas fritas

Não queira que uma pessoa com mentalidade de “Face” entenda sua mente de “Tumblr”.


“Você sabe. Acho que sempre soube. Eu tinha medo de gostar de alguém, de me envolver, de me mostrar sem disfarces. Amar dá um medo danado. De perder a liberdade, a identidade, de se machucar, de não saber mais voltar.”
~ Clarissa Corrêa.   (via van-couver)

Vou escrever algo profundo: Núcleo terrestre.

lhama-del-rey:

image


- Professionals

- Frat buds

- Children


bookshop:

This is my new favorite thing in the history of life